Sabe quais as diferenças existentes entre Cloud e VPS? Com o surgimento dos recursos de virtualização bem como das operações remotas, houve um considerável aumento de empresas, e até mesmo nas startups que optam por soluções semelhantes para alojar os seus websites.

O que são VPS ou VPS Hosting?

Os VPS Servers ou o VPS Hosting (Virtual Private Servers), também conhecido como Private Cloud ou em português como “Nuvem Privada” baseiam-se em servidores criados com o recurso a mecanismos de virtualização. São considerados uma forma de alojamento situada entre o alojamento partilhado e o dedicado. São extremamente flexíveis e ajustáveis às necessidades do cliente. Trata-se de um serviço escalável, permitindo aumentar e diminuir recursos tais como RAM, CPU, SSD em função das em necessidades e sem quebra de serviço.

Em termos de arquitetura, os VPS apresentam vários slots individuais dedicados na mesma máquina virtual. A cada slot podem ser atribuídos (diferentes) recursos dedicados. No entanto, é importante, neste âmbito, referir que os VPS funcionam, normalmente, em time-shared ou com partilha de recursos. Na prática, funcionam com ambiente dedicado e com isolamento de outros clientes, com a vantagem de o custo ser apenas um fração do preço de um servidor dedicado.

Uma das maiores desvantagens dos VPS e que os impede de alcançar o próximo nível está relacionado com a vulnerabilidade de falha ou outro tipo de desastre causado num slot que implicará a indisponibilidade dos sites/aplicativos contidos (quebra de serviço) até que o problema seja resolvido.

Por exemplo, existem situações como casos de existência de tráfego excessivo e inesperado num dia aleatório ou de um ataque DDoS (Distributed Denial of Service), que podem causar a quebra de serviço em toda a máquina e das aplicações subsequentes, uma vez que todos os recursos pertencem à mesma máquina. No entanto, os VPS apresentam vantagens muito interessantes, uma vez que este tipo de solução, situa-se entre as soluções de alojamento dedicado e partilhado.

Vantagens dos VPS

  • Por ter um Sistema Operativo próprio (SO) e alocação dedicada de recursos, os VPS não estão sujeitos a problemas de instabilidade causados por outros clientes ou a ataques direcionados a servidores partilhados. Embora em ambiente partilhado exista um limite de recursos por conta, nem sempre é tão eficaz como seria desejável.
  • No ambiente dedicado e exclusivo de um VPS, o cliente está mais protegido de situações prejudiciais, sejam estas originadas por outros clientes ou direcionadas a estes. Como cada VPS utiliza o seu próprio sistema operativo, isto significa que, por exemplo, erros de configuração ou ataques de malware estão restritos a um SO; outros VPS que operam na mesma configuração de hardware não serão afetados por quaisquer violações ou falhas de segurança.
  • Os VPS podem também ser ajustados ao longo do tempo para responder às necessidades do cliente. Quer seja com incremento, quer seja com remoção de recursos (RAM, CPU) terá a certeza de que o serviço está dimensionado e corresponde sempre às suas necessidades.
  • Relativamente à performance, esta é superior nos VPS, quando comparado com um alojamento partilhado, o que se traduz em melhores tempos de acesso aos sites e plataformas.

O que são Cloud Servers ou Cloud Hosting?

Os Cloud Servers, Cloud Hosting, Servidores Cloud ou servidores em nuvem consistem numa interessante interligação de equipamento redundante, capaz de oferecer uma infraestrutura inesgotável de recursos, garantindo-lhe elevada performance com custos controlados. São baseados numa arquitetura distribuída composta por vários nós de computação (hypervisors) e storage centrais (SAN) de elevada performance.

São a solução ideal para quem necessita de uma solução distribuída e com alta disponibilidade e que exijam elasticidade de ajustes nos recursos (RAM e CPU) contratados. O Cloud Hosting é também a solução ideal para colocar o ERP, o CRM ou outras plataformas das empresas, um vez que o ambiente é de alta disponibilidade e acessível 24x7x365.

Por serem elásticos, os servidores Cloud são indicados para projetos que necessitam de ajustes de recursos (upgrade/downgrade): num Cloud Server, embora sejam necessários reboots para efetuar upgrade/downgrade de memória RAM, espaço em disco ou de CPU, este poder ser configurado para escalar quando está perto de atingir o seu limite.

Vantagens dos Cloud Servers

  • Têm elevada performance com custos controlados e escalam à medida das necessidades dos Clientes;
  • Têm a capacidade de realocação e de prevenção de falhas, ou seja, na eventualidade de quebra de serviço, o sistema move automaticamente para o de reserva
  • Live Migrate (migração sem quebra e em funcionamento) do Servidor para uma outra zona da Cloud, mesmo em casos de falhas inesperadas.O crescimento está assegurado a nível:
  • Horizontal – (com novos servidores) – podem escalar, teoricamente, até ao infinito. Basta juntar novos servidores e colocá-los em produção com os que já existem, no entanto, a plataforma tem de estar previamente preparada para acomodar o crescimento.
  • Vertical – (ajuste de recursos)

@pplware